Traduções Crédulas: Êxodo 13:2 por Richard Coords

Padrão

Mais uma vez, uma rápida de Coords, sobre o mesmo assunto de Lucas: como o primogênito era um santo reprovado?

Êxodo 13:2

por Richard Coords, on ExaminingCalvinism

Tradução: Credulo from this WordPress Blog

Fonte: Exodus 13:2

Santifica-me todo primogênito, todo o que abrir a madre de sua mãe entre os filhos de Israel, assim de homens como de animais; porque meu é. {Ex 13:2 AR}

Calvinistas têm duas defesas a empregar: a “dos eleitos” ou a da graça comum. A primeira levanta a questão de se é biblicamente consistente que todo macho primogênito que tenha nascido em Israel sempre acaba salvo. A segunda defesa levanta a questão de em que sentido que o primogênito que abria a madre era “santo”, já que qualifica-se o escopo como incluindo “homens e animais”. Se isto significa que eles são extra-especiais ao Senhor, então se abre a questão de se Deus os chama de “santos” enquanto simultaneamente os cria como não-santos, se Ele os criou como eternos Reprovados, predestinados ao Inferno. Lembre que de acordo com o calvinismo, qualquer um que vai para o inferno, vai intencionalmente pelo projeto e propósito de Deus, isto é, por ser especificamente criados como “reprovados”. Então se existe algum macho primogênito que abre a madre que algum dia perece e acaba no Inferno, i.e. um Reprovado eternamente predestinado, então como Deus pode ao mesmo tempo chamá-lo “santo”?

Questão: se a reprovação calvinista for verdadeira, então como faz sentido chamar um Reprovado não-santo de “santo”?

Como é que o macho primogênito que abre a madre, tanto de homens quanto de animais, é “santo ao Senhor”? Obviamente, isto significa que é especial para o Senhor, o que elimina a ideia de que Deus o criou para ser não-especial, como pela doutrina calvinista da Reprovação. Em outras palavras, Deus tem um santo propósito para todo macho primogênito que abre a madre, tanto do homem quanto do animal. Com a Reprovação agora varrida, podemos ver o verso pelo que ele é. Deus é um pai celestial amoroso, o que é bem diferente do que você obtém no calvinismo, que ensina que Deus tem trazido a vasta maioria da criação para o Inferno tal que Deus possa obter a máxima glória disto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s