Traduções Crédulas: O Uso de Oseias 11:1 em Mateus 2:15 – Introdução

Padrão

O Uso de Oseias 11:1 em Mateus 2:15

por Andy Woods

Introdução

Uma leitura imediata de Os 11:1 traz meramente uma afirmação histórica acerca da experiência do Êxodo de Israel. Verso 2 corrobora este entendimento destacando os eventos da nação seguindo a experiência do Êxodo. Portanto, estes versos estão meramente focando na história da nação em vez do messias vindouro. Portanto, à primeira vista, esta passagem não está em necessidade de receber qualquer cumprimento futuro. Porém, o que torna a passagem problemática é que Mt 2:15 indica que Os 11:1 foi cumprida (ινα πληρωθη) por eventos que transpiraram no começo da vida de Jesus. Em outras palavras, a partida de Jesus ao Egito para escapar do assassinato de infantes por Herodes de alguma forma cumpriu as palavras de Os 11:1. O que no contexto de Os 11:1 necessita de cumprimento quando o verso olha meramente para o passado das experiências históricas de Israel em vez de para o presente em direção ao vindouro messias?

Esta questão tem irritado numerosos intérpretes. Por exemplo, Ellis pergunta “ Para muitos leitores cristãos, para não dizer nada dos leitores judeus, a interpretação neo-testamentária do Antigo Testamento parece ser excessivamente arbitrária. Por exemplo, Oseias 11:1 (`do Egito chamei a meu filho’) se refere à experiência de Israel no Êxodo; como pode Mt 2:15 aplicá-la a Jesus estabelecido no Egito?”[1]. Semelhantemente, Silva observa “ `Do Egito chamei meu filho’ (Os 11:1) é aplicado em Mt 2:15 para o que parece ser um evento diferente e não relacionado”[2].

O assunto do uso de Os 11:1 em Mt 2:15 é importante por diversas razões. Por exemplo, se Mateus ao citar Oseias 11:1 desrespeitou sua integridade contextual, então questões começam a emergir acerca da inspiração e inerrância da Escritura. Além disso, se Mateus se comprometeu em uma exegese arbitrária ao citar Oseias 11:1, então provavelmente o Novo Testamento não serve como guia para exegese contemporânea. É por razões como essas que um exame cuidadoso do uso de Oseias 11:1 em Mateus 2:15 é justificado.

Este paper tentará estudar este assunto da seguinte maneira. Primeiro, uma análise histórica e uma breve visão geral das passagens pertinentes será providenciada. Segundo, diversas soluções inadequadas serão oferecidas em uma tentativa de explicar o uso de Oseias 11:1 em Mateus 2:15 serão destacadas. Terceiro, a visão que creio melhor lidar com o problema será apresentada.

NOTAS DE RODAPÉ

[1] E. Earl Ellis, “How the New Testament Uses the Old,” in New Testament Interpretation, ed. I. Howard Marshall (Grand Rapids: Eerdmans, 1977), 209.
[2] Moises Silva, “The New Testament Use of the Old Testament,” in Scripture and Truth, ed. D. A. Carson and John D. Woodbridge (Grand Rapids: Zondervan, 1983), 156.

Anúncios

Um comentário sobre “Traduções Crédulas: O Uso de Oseias 11:1 em Mateus 2:15 – Introdução

  1. Pingback: Traduções Crédulas: Oseias 11:1 e Mateus 2:15 – INDEX | credulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s