Traduções Crédulas: Perseverança dos Santos (12 de 13) – João 6:37,44,65

Padrão

João 6:37,44,65

[37]Todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora.
[44]Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou não o trouxer; e eu o ressuscitarei no último dia.
[65]E continuou: Por isso vos disse que ninguém pode vir a mim, se, pelo Pai, não lhe for concedido.

Lidamos rapidamente com o contexto desta passagem acima quando discutimos João 10:27-29. Jesus está falando para judeus cujos corações não estavam retos para com Deus. Eles não eram judeus fiéis e não conheciam o Pai. Por que eles não estavam numa correta relação de aliança com o Pai, eles não podiam reconhecer a perfeita expressão do Pai no Filho. Desde que eles não desejavam fazer a vontade do Pai eles não podiam discernir propriamente a verdade das palavras de Cristo (Jo 7:17). Aqueles que conhecem o Pai reconhecerão a verdade das palavras de Cristo e serão trazidos até Ele (Jo 6:44,45). Eles serão dados ao Pai e virão à fé nEle como resultado (Jo 6:37). Para eles somente o Pai permitiu acesso ao Filho (Jo 6:65).

A passagem tem a ver com o Pai entregando os judeus fiéis ao seu tão esperado Messias. Não tem nada a ver com uma eleição incondicional pré-temporal de certos pecadores para vir à fé em Cristo. Esta é uma conclusão que muitos leem dentro desta passagem de acordo com um comprometimento prévio a um sistema teológico sem qualquer garantia contextual.

Jesus assegura que qualquer um que venha a Cristo em fé jamais será rejeitado. Eles serão aceitos no Amado de Deus (Jo 6:37). O Pai não falhará em dar todos estes judeus fiéis a Cristo e Cristo não falhará em recebê-los em Si Mesmo. Cristo os ressuscitará no último dia. Estes judeus podem estar seguros que seu destino está seguro em Cristo. Porém, a promessa é somente para aqueles que estão presente e continuamente “comendo, bebendo, crendo, vindo, ouvindo, seguindo e observando”. Apenas aqueles que perseveram na fé salvífica serão levantados ao último dia (Jo 6:40). Não existe promessa alguma aqui para aqueles que deixam de crer e nenhuma garantia que aqueles que começam a crer inevitavelmente perseverarão em tal fé. O “todos aqueles” do verso é a soma de todos os crentes. É o corpo corporativo de Cristo e esse corpo certamente será levantado no último dia porque esse corpo é composto daqueles que presente e continuamente creem no Filho (verso 40).

Anúncios

Um comentário sobre “Traduções Crédulas: Perseverança dos Santos (12 de 13) – João 6:37,44,65

  1. Pingback: Traduções Fracionadas: Perseverança dos Santos (12 de 13) – Índice « credulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s