Traduções Rápidas: 2Pedro 3:9 por Godismyjudge

Padrão

Esta foi um comentário/exegese curto sobre a famosa passagem de 2Pedro 3:9 acerca da expiação ilimitada. Como a interpretação calvinista dela é bem conhecida, resolvi, em vez de apontar os erros, traduzir este post e assim dar uma luz a esta discussão. Interessante é a referência a um dos apócrifos/deutero-canônicos na fala de Pedro.

Boa Leitura!

James White sobre 2Pedro 3:9

por Godismyjudge from TraditionalBaptistChronicles
Tradução: Credulo from this WordPress Blog

No seu livro The Potter’s Freedom, James White objeta o uso de Norman Geisler de 2Pedro 3:9 em seu livro Eleitos mas Livres. Eis a passagem:

1 Caríssimos, esta é a segunda Carta que vos escrevo. Tanto numa como noutra, procuro com as minhas exortações despertar em vós uma correcta maneira de pensar,
2 a fim de que vos recordeis das coisas preditas pelos santos profetas e do mandamento do Senhor e Salvador, transmitido pelos vossos Apóstolos.
3 Antes de mais, ficai a saber que, nos últimos dias, hão-de vir uns impostores trocistas, que viverão segundo as suas más paixões e, troçando,
4 vos perguntarão: Em que fica a promessa da sua vinda? Desde que os pais morreram, tudo continua na mesma, como desde o princípio do mundo!
5 Esquecem-se propositadamente de que, noutros tempos, havia uns céus e uma terra que a palavra de Deus tornou firmes a partir da água e no meio das águas;
6 e, em virtude destas, o mundo de então pereceu afogado.
7 Quanto aos céus e à terra que agora existem, a mesma palavra os tem reservados para o fogo, mantendo-os até ao dia do juízo e da perdição dos ímpios.
8 Mas há uma coisa, caríssimos, que não deveis esquecer: um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos, como um só dia.
9 Não é que o Senhor tarde em cumprir a sua promessa, como alguns pensam, mas simplesmente usa de paciência para convosco, pois não quer que ninguém pereça, mas que todos se convertam.
10 Porém, o Dia do Senhor chegará como um ladrão: os céus desaparecerão com estrondo, os elementos do mundo abrasados dissolver-se-ão, assim como a terra e as obras que nela houver.
{2Pedro 3:1-10 Bíblia dos Capuchinhos}

James White aponta que o livro de 2Pedro, bem como o capítulo três em especial, é endereçado à igreja. Ele então sumariza o ponto que “vós” em 2Pe 3:9 se refere àqueles já salvos[1].

Dr. White afirma:

Pedro escreve a um grupo específico, não a toda humanidade. “Aos que receberam fé do mesmo tipo que a nossa”. Isto não apenas se refere a fé como um dom, como veremos mais à frente no capítulo, mas certamente limita o contexto aos salvos, porque eles receberam esta fé “pela justiça de nosso Deus e Salvador Jesus Cristo” (pg. 147)

Note que James White usa o tempo passado em “receberam” e “salvos”. Isto se liga com o contexto interno de 2Pe 3:9, mas implica também que os indivíduos citados se arrependeram no passado. Mas isto leva ao óbvio problema em 2Pe 3:9 de Deus esperar por algo que já ocorreu (i.e. esperar o arrependimento dos arrependidos). Como Norman Geisler aponta, “o ‘todos’ que precisam se arrepender não pode ser os amados, (vs. 1,8) desde que eles já estão salvos e não precisam, se arrepender”(pg. 208).

James White responde contradizendo sutilmente sua assertiva anterior que eles “receberam esta fé” (i.e. que isto se relata à Igreja que já se arrependera no passado). Ele diz:

“Eleitos mas Livres” erra o alvo quando ele afirma que não pode ser os “amados” porque eles já se arrependeram. O ponto da passagem é que Deus trará os eleitos ao arrependimento mediante o período de tempo anterior ao parousia, a vinda de Cristo. No momento da escrita de Pedro, o arrependimento de cada indivíduo lendo este livro ainda era futuro. (pg. 149)

O argumento de Dr. White se apoia na audiência de Pedro. Então o arrependimento destes abordados é passado ou futuro? James White sugere ambos, deixando-nos perplexos com o que sua visão desta passagem se resume. Norman Geisler aponta um problema exegético e James White não o resolve.

Talvez Pedro esteja abordando uma audiência mista como amados – na igreja visível, alguns se arrependera e outros não. Mas Pedro fala à sua audiência como se já tivessem se arrependido, então isto não ajuda porque o contexto interno de 2Pe 3:9 aborda os que se arrependeram e a parte final de 2Pe 3:9 fala dos que não se arrependeram. Pior, referir-se a uma audiência mista confunde os eleitos que ainda não se arrependeram com os não-eleitos fingidores na Igreja visível.

A origem do erro de Dr. White neste texto parece ser confundir a audiência de Pedro com o sujeito de seu assunto. Sim, 2Pedro foi escrito para a igreja, mas Pedro não limita seu tópico à igreja. No capítulo 3, Pedro discute o retorno prometido de Cristo e a destruição do mundo. Sim, a promessa é para a igreja, mas impacta mais que apenas os crentes – ela impacta a todos. Então enquanto a audiência é a igreja, o tópico é universal. Pedro aborda os amados com o tópico da destruição iminente do mundo sendo suspensa no paciente desejo de Deus que todos se arrependam. Vendo esta distinção de abordagem audiência/assunto evita o problema de esperar um evento passado.

Outra razão pela qual podemos ver a abrangência universal é que muito provavelmente Pedro está citando Siraque 18:8-14:

8 Que é o homem, e para que serve? Qual é o seu bem e qual é o seu mal?
9 A duração da vida do homem, quando muito, é de cem anos; para cada um é imprevisível o tempo do sono da morte.*
10 Mas, como uma gota de água do mar ou como um grão de areia, assim são os seus anos ante um dia da eternidade.
11 Por isso, é que o Senhor é paciente com os homens, e derrama sobre eles a sua misericórdia.
12 Ele vê e reconhece que o seu fim é lamentável; por isso é que Ele multiplica o seu perdão.
13 A compaixão do homem tem por objecto o próximo, mas a misericórdia divina estende-se a todo o ser vivo: repreende, corrige, ensina, e reconduz, como pastor, o seu rebanho.
14 Ele se compadece daqueles que recebem os seus ensinamentos, e dos que se apressam a cumprir os seus preceitos.
{Siraque 18:8-14 Bíblia dos Capuchinhos}

Os paralelos entre Siraque e 2Pedro são claros e a comparação de Siraque entre a compaixão de “nosso vizinho” e a compaixão divina com “toda carne” mostra que o tópico é universal.

Então por que Deus é paciente em cumprir Sua promessa à igreja sobre o retorno de Cristo e o julgamento iminente que destruirá o mundo todo? Porque esta destruição acabará com a oportunidade de arrependimento para aqueles que ainda não se arrependeram, e Deus não deseja que ninguém se perca, mas que todos cheguem ao arrependimento.

FootNotes:

[1] A Nova King James traz ‘convosco’ em vez de ‘conosco’ como nas traduções mais modernas. Isto é baseado numa variante entre os textos gregos. O Texto Majoritário (Bizantino) tem ‘conosco’ mas a maioria dos textos e traduções antigos tem ‘convosco’. Esta variante tem pouco impacto na explanação do texto. Nós podemos simplesmente incluir Pedro junto à sua audiência como receptores da mensagem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s